Entenda as duas principais dicas para ensinar inglês para crianças em casa

inglês para crianças

Aprender outras línguas desde a infância é cada vez mais comum em diversas escolas e demais instituições de ensino. Devido à globalização, o inglês é uma língua essencial tanto para o mercado de trabalho quanto para os ambientes acadêmicos, como universidades e institutos de pesquisa.

A partir disso, existe um universo de possibilidades para que uma criança aprenda tanto esse idioma quanto outros. Neste texto, vamos abordar diferentes maneiras de ensinar inglês para crianças em casa, de acordo com sua idade. Para entender quais são elas, leia até o final!

[Especial dia das crianças] Almanaque de atividades para completar e se divertirPowered by Rock Convert

Por que a infância é o melhor momento para aprender inglês?

Essa é a fase da vida em que estamos desenvolvendo todas as capacidades, sejam elas motoras e físicas ou intelectuais. A criança não faz muita diferenciação em relação à língua que está aprendendo, pois tudo para ela é novidade e qualquer palavra ou som vai ser uma descoberta.

Existem diferentes estudos e opiniões acerca da idade ideal para que uma criança comece a aprender inglês ou outro idioma e eles podem ser divididos em algumas janelas temporais, que variam a forma com que uma segunda língua é ensinada, como:

  • até os 3 anos: ensinando com base em brincadeiras, músicas e atividades lúcidas;
  • entre os 4 e os 10 anos: ensinando de uma maneira um pouco mais formal, com o objetivo de estimular a pronuncia correta das palavras e a ampliação aos poucos do vocabulário;
  • a partir dos 10 anos: nessa idade a criança já pode ser ensinada de maneira mais formal.

Independente da idade, se você quiser fazer com que seu filho desenvolva o aprendizado pleno de outra língua, o ideal é proporcionar um ambiente dentro de casa para isso., com as devidas ressalvas principalmente quando mais novos.

Duas principais dicas para ensinar inglês para crianças em casa

O desenvolvimento infantil é divido em diferentes fases, sendo que existem várias formas de ensinar inglês para crianças em casa de acordo com cada uma delas. Vamos abordar as duas principais dicas a seguir.

1.Considerar a idade da criança

Os estímulos para que uma criança faça uma determinada atividade são completamente distintos conforme a idade dela, logo esse é um dos principais fatores a serem levados em conta na hora de promover o ensino de outros idiomas.

Segundo algumas pesquisas, estima-se que a partir dos quatro anos de idade, uma criança já pode assimilar e reproduzir dois ou mais idiomas, contudo, principalmente quando mais novos, os estímulos podem vir a partir de músicas, brincadeiras e formas divertidas de aprender, variando de acordo com a faixa etária e o aprendizado.

2.Analisar as preferências dela

Existem desenhos animados, músicas, jogos, brincadeiras e filmes para crianças que podem ser utilizados como formas de contato com a língua inglesa. Com o desenvolvimento da tecnologia, há cada vez mais opções para estimulá-las a aprender inglês.

Uma das mais interessantes é por meio de livros infantis, associando imagens a determinadas palavras, ou de jogos, como aqueles de associação em que a criança olha uma figura e tem que falar aquela determinada palavra em inglês.

Como citado, todos esses estímulos vão variar de acordo com a idade, pois se você forçar uma atividade a uma criança que não seja condizente com a faixa etária dela, provavelmente o resultado não vai ser satisfatório.

Portanto, ao pensar no ensino de inglês para crianças, o ideal é entender quais são os estímulos mais adequados para elas e construir um ambiente dentro de casa para fazer isso. Algumas opções são utilizar jogos, aplicativos e músicas para promover uma certa convivência com o idioma. Além disso, falar inglês e estudar em casa são boas ideias para que a criança comece a aprender este idioma a partir dos 4 anos de idade, pois dessa forma a família inteira vai praticar aquela língua.

Se você quiser saber como motivar as crianças a se desenvolverem ainda mais, continue em nosso blog e veja como fazer um quadro de incentivos.

Notícias relacionadas

EnglishPortuguêsEspañol